Digite algo para iniciar a pesquisa

CAMPOS DE JÚLIO - Justiça suspende contrato de serviços de...

personGeral access_time21 Setembro 2017

Por CLÊNIA GORETH A Justiça acolheu pedido liminar efetuado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso e determinou a suspensão de um contrato firmado entre...

ARRECADAÇÃO – Araputanga recebeu R$2,45 milhões de reais em agosto/2017

personCidades access_time21 Setembro 2017

O mês de agosto/17 rendeu, a título de transferências constitucionais para o município de Araputanga R$2.450.275,60 (Dois milhões, quatrocentos e cinquenta mil, duzentos e setenta e...

ARAPUTANGA - Pequeno acidente próximo à Rodoviária

personCidades access_time21 Setembro 2017

Um pequeno acidente entre dois veículos, um Nissan, cor branca, placas de Araputanga QBH 1669 ano e modelo 2014 e um Fiat Uno, cinza, placas JDU...

Artigo

Mulher é presa com Picape roubada de concessionária

access_time chat_bubble_outlinePolícia
FONTE

Policiais militares do 9º Batalhão prenderam nesta segunda-feira (11.09), no bairro São Gonçalo II, em Várzea Grande uma mulher que faz uso de tornozeleira eletrônica e apreenderam uma picape Fiat Strada que havia sido roubada no momento que uma carreta descarregada os veículos em uma concessionária em Várzea Grande. A prisão aconteceu por volta das 15 horas

Segundo informações da PM, a prisão foi realizada quando a mulher saia de uma residência. Os policiais abordaram a mulher e observaram que a tornozeleira estaria desligada.

A mulher relatou que a sua documentação estaria em sua casa e foi até o local buscar. Os policiais perceberam que na residência havia uma picape e fizeram uma checagem onde constataram que a placa estaria clonada e o veículo era produto de roubo.

Os policiais ainda fizeram uma checagem junto a Polícia Civil onde observaram que a suspeita se tratava da esposa de um dos lideres de uma facção criminosa que teria sido investigada em uma operação de roubos e furtos de veículos.

Diante dos fatos a suspeita foi encaminhada a Central de Flagrantes para as devidas providências.

Fonte: PM/MT