Digite algo para iniciar a pesquisa

Desagravo contra atos de juiz e delegado reúne cerca de...

personCidades access_time23 Setembro 2017

Presidente da OAB Mirassol D’Oeste, que engloba a comarca de Araputanga, Gustavo Cardoso fez questão de frisar que a ação não pretende retirar delegados e juízes da comarca, mas sim...

Princípio da anterioridade da legislatura não se aplica à verba...

personCuriosidades access_time23 Setembro 2017

(...)deve ser condicionada à comprovação de que não haverá redução prejudicial de dotações já comprometidas com as despesas normais de manutenção e funcionamento das respectivas Casas Legislativas

Polícia Civil apreende dinamites que seriam usadas para explosão de...

personGeral access_time22 Setembro 2017

Três bananas de dinamites que supostamente seriam usadas para explodir a Cadeia Pública de Primavera do Leste (231 km ao Sul) e a Delegacia Especializada de Roubos...

Artigo

Derf apreende celulares furtados em São José dos Quatro Marcos e fecha loja na Capital

home access_time chat_bubble_outlineCidades
FONTE

Uma loja de venda de aparelhos celulares da Capital que foi fechada, na segunda-feira (08.05), em operação de combate a receptação, deflagrada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá e Delegacia de Polícia de São José dos Quatro Marcos (315 km a Oeste). O estabelecimento irregular comercializava produtos de origem ilícita e não possuía inscrição na Secretária Estadual de Fazenda (Sefaz).

A operação “Satélite” resultou na prisão em flagrante do proprietário da loja, F. A. F., 30, pelo crime de receptação qualificada e na recuperação de oito aparelhos celulares furtados de uma loja em São José dos Quatro Marcos. Quatro pessoas, que compraram os aparelhos de origem ilícita na loja, responderão a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por receptação culposa.

As diligências iniciaram quando a equipe da Derf Cuiabá foi acionada sobre duas pessoas que estariam em posse de celulares furtados da loja Romera, em São José dos Quatro Marcos, no dia 21 de março. Na ocasião, a porta do estabelecimento foi arrombada durante a madrugada, sendo subtraídos 28 aparelhos celulares e 10 tabletes.

Com a informação, os policiais se deslocaram até o endereço indicado, onde foram localizadas as duas pessoas que adquiriram dois dos aparelhos celulares furtados. Questionados, eles indicaram a loja em que compraram os eletrônicos, na Avenida Agrícola Paes de Barros, no Bairro Verdão.

Em continuidade as diligências, os investigadores seguiram até a loja, onde apreenderam mais quatro celulares furtados em São José dos Quatro Marcos, além de diversos outros produtos sem notas fiscais. Durante os trabalhos, os policiais descobriram que o estabelecimento não possuía inscrição estadual e CNPJ, sendo acionada a equipe de fiscalização da Sefaz, que aplicou multa e realizou o procedimento de fecha do estabelecimento.

O proprietário do comércio ilegal foi conduzido a Derf de Cuiabá e após ser interrogado, foi autuado em flagrante pelo crime de receptação qualificada. Posteriormente, os policiais identificaram mais duas pessoas que compraram aparelhos celulares furtados da loja Romera.

Participaram da operação os policiais da Derf, Wismon, Luciano Fiqueiredo, Bruna Ellis, Torquato e Wilton, coordenados pelos delegados, Guilherme Berto Nascimento Fachinelli (Derf) e Henrique Trevisan (São José dos Quatro Marcos).

Fonte: PJC/MT